‘Disseram um ao outro: “Não ardia o nosso coração quando ele falava conosco no caminho e nos explicava as Escrituras?”. ‘
Lucas 24:32
risto é o caminho, a verdade e a vida (João 14:6). Nós podemos encontrar, nas Sagradas Escrituras, vários momentos em que Ele demonstra pelo menos um desses três atributos.
No evangelho de Lucas temos uma história que demonstra, com uma riqueza de detalhes imensa, o que significa o primeiro desses atributos chamado “caminho”. Essa história, é conhecida como O caminho de Emaús.
Nesse artigo, vamos navegar por todo o texto dessa história, tentando entender porque Cristo é o nosso caminho.
A primeira coisa que podemos destacar no texto é que Cristo não é um caminho óbvio. Não existe uma receita do que fazer, qual igreja frequentar, qual decisões tomar. O próprio Jesus encarnado, não tinha aonde reclinar a cabeça (Lucas 9:58).
Na história de Emaús, dois viajantes estavam indo para um lugar que ficava onze quilômetros de Jerusalém. Onze quilômetros de distância do lugar de onde o corpo de Jesus tinha sido sepultado. O lugar mais óbvio para se ter uma mínima esperança de se encontrar com o Salvador, era onde seu corpo estava.
Mas os viajantes estavam indo para outro lugar, eles estavam caminhando por outro caminho (Lucas 24:13). Deus, está em todos os lugares. Nele vivemos, nos movemos e existimos (Atos 17:28). Mas estar na presença de alguém não significa conhecê-lo. O nosso Deus, é um Deus que se relaciona conosco enquanto caminhamos na direção de Cristo.
Mas, um fato curioso, é que Cristo, quando se apresentou aos viajantes, não deixou com que eles o reconhecessem. Mesmo assim, Ele tentou mostrar quem era, através das Escrituras Sagradas (Lucas 24:25).
Os viajantes não conheciam a Cristo como Filho de Deus e o Senhor e Salvador de suas vidas. Eles conheciam a Cristo com um profeta (Lucas 24:19), ou como alguém que libertaria Israel do domínio romano (Lucas 24:21). Mas ao invés de se revelar como Filho do Deus Único e falar com clareza a respeito de quem Ele era, Jesus preferiu instruir acerca de si mesmo através de todos os escritos de Moisés e dos profetas (Lucas 24:27).
Cristo é o caminho que deve ser trilhado através de Sua Palavra. Ela, é a lâmpada para os nossos pés e a luz que iluminará o caminho (Salmos 119:105). Só podemos conhecer a Cristo, caminhando através Dele. Só podemos caminhar através Dele, por meio de sua Palavra.
Cristo é um caminho a qual devemos perseverar. Os viajantes, em um momento, insistiram para que Jesus, até então desconhecido, passasse a noite com eles (Lucas 24:29). Essa insistência foi fundamental para vida de fé deles. Se eles tivessem deixado Cristo continuar sua viagem, talvez, eles jamais saberiam que estavam diante de seu Salvador.
Uma das principais coisas que Bíblia coloca como responsabilidade do cristão em sua vida de fé, é a perseverança. Se perseverarmos, com ele reinaremos (2Timóteo 2:12).
Caminhar o caminho de Cristo requer essa perseverança. Muitas vezes, o próprio Pai nos levará por caminhos que nos trarão lutas. Mas nesse momento, poderemos provar a nossa fé e, quando nossa fé é provada, a nossa perseverança tem a oportunidade de crescer (Thiago 1:3).
Não podemos ser como o solo rochoso que, “quando vem os problemas ou as perseguições por causa da mensagem, cedo desanimam” (Mateus 13:21). Só através da perseverança nos tornamos maduros e completos, sem que nada nos falte para sermos como Cristo (Thiago 1:4)
Por fim, os viajantes finalmente reconheceram quem era Cristo, quando sentaram na mesa com Ele e partiram o pão.
Partir o pão. Não teve nada que Cristo fez nessa terra que simbolizou mais aquilo que Ele sonhava para Sua igreja. Caminhamos em Cristo, quando estamos em comunhão com a comunidade dos santos.
A igreja é o corpo de Cristo (Efésios 2:16). De forma que, não temos como caminhar com Cristo se não caminharmos com ela.
‘Jesus disse: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém pode vir ao Pai senão por mim. ‘
João 14:6
Siga o autor desse artigo no instagram, não custa nada: https://www.instagram.com/daniel_acaz/
Para continuar lendo outros artigos: https://medium.com/viva-e-eficaz
reflexões das Sagradas Escrituras que singularmente é viva e eficaz.
reflexões das Sagradas Escrituras que singularmente é viva e eficaz.
Written by
A sinner looking for repentance | Software Engineer | Theology and technology passionate | Lover learn about development and science
reflexões das Sagradas Escrituras que singularmente é viva e eficaz.

source