Assistindo filmes, desenhos e etc mais antigos ou japoneses, se houver uma aventura, sempre termina com herói ou heroína enfrentando uma situação impossível e no final do episódio temos o “Continua…”

O apostolo Paulo não era muito diferente desses heróis e heroínas. Ele foi preso, espancado, apedrejado e naufragou enquanto procurava levar as boas novas de Jesus Cristo as pessoas, ele sabia que um dia iria morrer, mas nunca considerou que seria o fim da história. Paulo escreveu aos seguidores de Jesus em 1 Coríntios 15:54: Quando, porém, o que é corruptível se revestir de incorruptibilidade, e o que é mortal, de imortalidade, então se cumprirá a palavra que está escrita: “A morte foi destruída pela vitória”. A paixão da vida de Paulo estava em dizer aos outros que Jesus nosso Salvador, que Ele nos deu a Sua vida na cruz, para que através da fé Nele recebemos perdão por todos os nossos pecados e também a vida eterna.

Não somos como os heróis de cinema que sempre escapam da morte certa, mas vira quando nossa vida terrena acabar, seja pela morto ou retorno de Cristo, mas pela graça e misericórdia de Deus, a nossa história de vida “Continua…”

Pai, nós te louvamos pelo dom da vida eterna e como disse Paulo: “Mas graças a Deus, que nos dá a vitória por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.” (1 Co 15:57)

Na vida e na morte, Cristo é a nossa esperança.

Texto extraído do Out Daily Bread, escrito por David McCasland Link e adaptado por Kaio Henrique