No ano de 1780, Robert Raikes tinha um fardo, em seu bairro em Londres, tinha muitas crianças pobres analfabetas. Ele percebeu que nada estava sendo feito para ajudar essas crianças, então logo tratou de fazer a diferença.

Convidou algumas mulheres a dar aulas aos domingos para as crianças, usando a Bíblia como livro, os professores ensinaram as crianças mais pobres de Londres a ler e lhes apresentou a sabedoria da Bíblia, logo cerca de 100 crianças foram assistias as essas aulas e desfrutar de um estudo com almoço em um ambiente seguro e limpo.

Estas “escolas dominicais”, como elas logo foram chamadas, eventualmente, tocaram as vidas de milhares de meninos e meninas, em 1831, escolas dominicais na Grã-Bretanha atingiu mais de 1 milhão de crianças, tudo porque um homem compreendeu está verdade: “O justo considera a causa dos pobres” (Provérbios 29:7)

Não é nenhum segredo que Jesus se preocupa grandemente com aqueles que lutam, em Matheus 25, ele sugere que os seguidores de Cristo demonstrem uma disponibilidade para a volta de Jesus, ajudando os sem-teto a encontrar uma casa, ajudando o nu a se vestir e ajudando o doente ou preso receber conforto (Mt 25:35-36)

O melhor testemunho, é sua vida! Abra o seu coração para Deus lhe ensinar compaixão e a sua mão para dar ajuda.

Oração da meditação:

Senhor, desperta meu coração para aqueles que se precisão, incluindo os pobres, desamparados, famintos e desabrigados, o conturbado e sem esperança em nosso mundo, eu quero ser usado por ti.

Escrito por Dave Branon adaptado e traduzido por Kaio Henrique