O natal chegou. Presentes. Árvores. Luzes. Canções. Decorações. Compras. Família. E em algum lugar no meio de tudo isso … JESUS! Jesus – o filho de Deus, nascido de uma virgem enquanto ela descansava em um estábulo em Belém.

Que figura incrível na história do mundo! Por 2.000 anos, Ele nunca foi esquecido … de fato, antes dos seus três anos de vida, seu assassinato foi tentado; um grupo de pastores recebeu uma visão incrível sobre de onde Ele havia vindo; Ele se mudou para o Egito; e dignitários estrangeiros O adoravam, dando-lhe presentes caros.

Mas, por que Ele veio? Se a Bíblia é verdadeira, e Jesus realmente é o Filho de Deus, por que Ele deixou o esplendor, a beleza, a glória, a santidade, a maravilha e a perfeição do céu para chegar à terra, ao pecado, aos problemas e à tristeza da terra?

Por que Jesus veio à terra? É uma pergunta muito crucial, pois uma resposta errada aqui pode nos levar a alguns problemas terríveis

• Se ele veio ensinar moral – então pensaremos que sua vida era sobre ética.
• Se ele veio consertar o meio ambiente – sua vida era sobre árvores e plantas.
• Se ele adotou boas maneiras e boa vida – então colocaremos nossas Bíblias ao lado dos vídeos da internet com lemas como “mude sua vida para melhora” ou “5 passos para ser mais feliz”.

Um entendimento errado de por que Jesus veio nos levará a todos os tipos de direções erradas! É crucial que saibamos por que Deus veio à Terra. Então, vamos ouvir Suas próprias palavras (como um adulto) explicando por que Ele veio.

“Jesus entrou em Jericó, e atravessava a cidade. Havia ali um homem rico chamado Zaqueu, chefe dos publicanos. Ele queria ver quem era Jesus, mas, sendo de pequena estatura, não o conseguia, por causa da multidão. Assim, correu adiante e subiu numa figueira brava para vê-lo, pois Jesus ia passar por ali.
Quando Jesus chegou àquele lugar, olhou para cima e lhe disse: “Zaqueu, desça depressa. Quero ficar em sua casa hoje”. Então ele desceu rapidamente e o recebeu com alegria.
Todo o povo viu isso e começou a se queixar: “Ele se hospedou na casa de um ‘pecador’ “. Mas Zaqueu levantou-se e disse ao Senhor: “Olha, Senhor! Estou dando a metade dos meus bens aos pobres; e se de alguém extorqui alguma coisa, devolverei quatro vezes mais”.
Jesus lhe disse: “Hoje houve salvação nesta casa! Porque este homem também é filho de Abraão.”
Lucas 19:1-9

Aqui está uma história notável! Zaqueu, tanto quanto sabemos, nunca tinha ouvido, visto ou falado com esse homem Jesus antes deste dia – no entanto, no espaço de alguns minutos, sua vida inteira foi virada de cabeça para baixo! De um homem mentiroso e enganador, Zaqueu foi transformado em uma nova criatura – cheia de amor, misericórdia e bondade que se provou ao revelar a riqueza pela qual sempre vivera. Zaqueu havia sido salvo! Ele fora trazido das trevas para a luz – da morte para a vida! Ele se tornou cristão – e Jesus resume este evento com estas poderosas palavras: “Porque o Filho do Homem veio buscar e salvar os perdidos”.

Aqui, em poucas palavras, é o único grande propósito de Jesus vir à Terra. E é ecoado por todo o Novo Testamento de maneiras diferentes e com palavras diferentes – mas todas com o mesmo significado e pensamento. Por que Jesus veio? Jesus veio para salvar pecadores!

O encontro de Jesus com Zaqueu não foi a única vez em que ele contou aos homens porquê veio à Terra. Duas outras ocasiões merecem um olhar mais atento. Certa vez, ao abordar alguns pecados na vida de Seus próprios seguidores, Jesus disse a seus discípulos que eles deveriam modelar o propósito de sua vida segundo o Seu.

“Jesus os chamou e disse: “Vocês sabem que os governantes das nações as dominam, e as pessoas importantes exercem poder sobre elas. Não será assim entre vocês. Pelo contrário, quem quiser tornar-se importante entre vocês deverá ser servo, e quem quiser ser o primeiro deverá ser escravo; como o Filho do homem, que não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos”.”
Mateus 20:25-28

Outra vez, enquanto chamava os homens a se arrependerem de seus pecados e crerem nEle para a vida eterna, Jesus novamente esclareceu porquê Ele veio à Terra.

“Então Jesus disse em alta voz: “Quem crê em mim, não crê apenas em mim, mas naquele que me enviou. Quem me vê, vê aquele que me enviou. Eu vim ao mundo como luz, para que todo aquele que crê em mim não permaneça nas trevas.
“Se alguém ouve as minhas palavras, e não as guarda, eu não o julgo. Pois não vim para julgar o mundo, mas para salvá-lo. Há um juiz para quem me rejeita e não aceita as minhas palavras; a própria palavra que proferi o condenará no último dia. Pois não falei por mim mesmo, mas o Pai que me enviou me ordenou o que dizer e o que falar. Sei que o seu mandamento é a vida eterna. Portanto, o que eu digo é exatamente o que o Pai me mandou dizer”.”
João 12:44-50

Da mesma forma, aqueles que escreveram sobre Cristo após Sua morte e ressurreição entenderam essa missão e ecoaram em suas cartas.

Ouça Paulo em Gálatas 4 …

“Assim também nós, quando éramos menores, estávamos escravizados aos princípios elementares do mundo. Mas, quando chegou a plenitude do tempo, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido debaixo da lei, a fim de redimir os que estavam sob a lei, para que recebêssemos a adoção de filhos.
E, porque vocês são filhos, Deus enviou o Espírito de seu Filho aos seus corações, o qual clama: “Aba, Pai”. Assim, você já não é mais escravo, mas filho; e, por ser filho, Deus também o tornou herdeiro.”
Gálatas 4:3-7

Ou o apóstolo João em 1ª João 5

“Sabemos também que o Filho de Deus veio e nos deu entendimento, para que conheçamos aquele que é o Verdadeiro. E nós estamos naquele que é o Verdadeiro, em seu Filho Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna. Filhinhos, guardem-se dos ídolos.”
1 João 5:20,21

Ou Paulo novamente, enquanto escreve para Timóteo (1 Timóteo 1)

“Esta afirmação é fiel e digna de toda aceitação: Cristo Jesus veio ao mundo para salvar os pecadores, dos quais eu sou o pior. Mas, por isso mesmo alcancei misericórdia, para que em mim, o pior dos pecadores, Cristo Jesus demonstrasse toda a grandeza da sua paciência, usando-me como um exemplo para aqueles que nele haveriam de crer para a vida eterna.
Ao Rei eterno, ao Deus único, imortal e invisível, sejam honra e glória para todo o sempre. Amém.”
1 Timóteo 1:15-17

1 Timóteo 2…
“Isso é bom e agradável perante Deus, nosso Salvador, que deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade. Pois há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens: o homem Cristo Jesus, o qual se entregou a si mesmo como resgate por todos. Esse foi o testemunho dado em seu próprio tempo.”
1 Timóteo 2:3-6

Então, aqui está o único grande objetivo de Jesus Cristo – a razão dessa época especial do natal – procurar e salvar os Perdidos!
Pessoas como:

• Zaqueu – traidores enganadores e malfeitores
• Paulo – odiadores e assassinos cristãos
• João – buscadores de Deus que ainda não o encontraram
• e VOCÊ – em qualquer categoria que você se encaixe (sem Deus, odiador de Deus, buscador de Deus ou não), com quaisquer pecados, em qualquer forma, com qualquer bagagem, com qualquer passado e futuro …

Quando você pensa sobre isso, percebe que esse é um objetivo incrível – realmente incompreensível. Pois Ele não está buscando e salvando “pessoas boas” como
• mulheres e crianças presas em um navio afundando
• seus vizinhos super corretos e perfeito que estão tendo alguns problemas financeiros
• bons cidadãos vencidos com câncer com risco de vida …

Quero dizer, Ele pode salvar essas pessoas (e oramos para que Ele o faça), mas o que Ele realmente está procurando, independentemente do que somos do lado de fora, é PECADORES.

“Porque o Filho do homem veio buscar e salvar os perdidos”
“Os perdidos” é um termo que significa a mesma coisa que “pecadores”. Essas pessoas (os perdidos) são chamadas de muitas coisas diferentes na Bíblia – nenhuma delas muito lisonjeira. Apenas em uma passagem, eles são identificados por 4 palavras diferentes que ensinam a mesma idéia. Veja Romanos 5:

De fato, no devido tempo, quando ainda éramos fracos, Cristo morreu pelos ímpios. Dificilmente haverá alguém que morra por um justo; pelo homem bom talvez alguém tenha coragem de morrer. Mas Deus demonstra seu amor por nós: Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores. Como agora fomos justificados por seu sangue, muito mais ainda seremos salvos da ira de Deus por meio dele!
Se quando éramos inimigos de Deus fomos reconciliados com ele mediante a morte de seu Filho, quanto mais agora, tendo sido reconciliados, seremos salvos por sua vida! Não apenas isso, mas também nos gloriamos em Deus, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo, mediante quem recebemos agora a reconciliação.”
Romanos 5:6-11

Quando você não é cristão, antes de ser salvo, quando faz parte dos “Perdidos”, a Bíblia diz que você é fraco, ímpio, pecador e inimigo de Deus. Essas palavras não são lisonjeiras. Eles não suavizam e gratificam nossos egos ternos! No entanto, eles são a verdade!

Pense em como seria se você contraísse algum vírus raro sem cura conhecida. Você vai ao seu médico e ele lhe dá o diagnóstico dizendo que esse vírus é a causa de sua doença. Agora, o que você prefere? Que seu médico te engane e simplesmente diga “Tome duas aspirinas e me ligue na próxima semana”, ou lhe diga a verdade: “Você vai morrer?” A maioria de nós prefere a verdade!

Só porque as notícias são ruins, não significa que sejam ofensivas. No entanto, milhões ficaram ofendidos com a notícia de que eles são inimigos de Deus e perderam Sua oferta real de salvá-los por causa dessa ofensa! Não deixe sua reação à verdade afastar você da cura!

Este Jesus, que veio salvar os pecadores, não salvará uma pessoa sequer sem que ela possa ver o seu pecado pelo que é e ver a sua perdição pelo o que é! Se você está tão ocupado gritando com o médico por lhe contar a verdade, nunca ouvirá falar da cura!

Mas existe uma cura! Para usar outra figura bíblica – Jesus era o Sacerdote e o Sacrifício! Como sacerdote, ele estava fazendo intercessão entre nós e Deus, oferecendo um sacrifício, a saber, Ele mesmo! Ele estava oferecendo sua própria vida no lugar da nossa naquela cruz. É por isso que Ele pode dizer que veio buscar e salvar os perdidos. Ele não apenas está chamando os homens para Deus, mas está providenciando o caminho para que eles cheguem lá!

Mas, assim como
• Zaqueu desceu da árvore e levou Jesus para sua casa.
• e Paulo levantou-se do chão e foi ouvir Jesus em Damasco
• e João deixou as redes de pesca com o pai e seguiu Jesus

Você também deve ouvir o chamado dele e obedecê-lo! E chamar é exatamente o que Ele está fazendo agora. Enquanto Sua palavra é pregada e a Bíblia é lida, Ele está chamando … chamando você para vir a Ele, deixar para trás o mundo e seus tesouros e fazer dEle o seu deleite final!
E Ele te disse como fazer isso …

• Você deve se ARREPENDER – reconhecer que você é seu inimigo, que é fraco, que é pecador e, como resultado, é ímpio e inapto para o Seu céu.
• Você deve CRER – confiar na pessoa de Jesus como seu Salvador, confiando Nele e em Sua perfeita obra de expiação para pecadores como você.

Ninguém que vem a Deus virá por qualquer outro meio. Todos os que vieram a Deus vieram desta maneira. Existe apenas um caminho para Deus – um caminho para o céu – e é através do arrependimento do pecado e da fé em Jesus.

E isso deve ser feito em breve – agora – pois Deus designou um dia em que Seu filho voltará à Terra, sem data e hora marcada, disse somente que Ele não voltará da mesma maneira que Sua primeira vinda. Desta vez, Ele trará consigo
• toda a sua glória
• todos os seus anjos
• todo o seu poder
• todo o Seu esplendor e majestade

Quando Ele vier pela segunda vez, não será necessário chamar homens para crer nEle para a salvação. Ele está fazendo esse trabalho agora mesmo! Não, quando Ele vier pela segunda vez, será para fins de julgamento.

Jesus disse aos discípulos como está registrado em Marcos 13

“Mas naqueles dias, após aquela tribulação, ‘o sol escurecerá e a lua não dará a sua luz; as estrelas cairão do céu e os poderes celestes serão abalados’.
“Então se verá o Filho do homem vindo nas nuvens com grande poder e glória. E ele enviará os seus anjos e reunirá os seus eleitos dos quatro ventos, dos confins da terra até os confins do céu.”
Marcos 13:24-27

“Quanto ao dia e à hora ninguém sabe, nem os anjos no céu, nem o Filho, senão somente o Pai.
Fiquem atentos! Vigiem! Vocês não sabem quando virá esse tempo.
É como um homem que sai de viagem. Ele deixa sua casa, encarrega de tarefas cada um dos seus servos e ordena ao porteiro que vigie.
Portanto, vigiem, porque vocês não sabem quando o dono da casa voltará: se à tarde, à meia-noite, ao cantar do galo ou ao amanhecer. Se ele vier de repente, que não os encontre dormindo!
O que lhes digo, digo a todos: Vigiem! “
Marcos 13:32-37

Ou, como Mateus relata no capítulo 25

“”Quando o Filho do homem vier em sua glória, com todos os anjos, assentar-se-á em seu trono na glória celestial. Todas as nações serão reunidas diante dele, e ele separará umas das outras como o pastor separa as ovelhas dos bodes. E colocará as ovelhas à sua direita e os bodes à sua esquerda.”
Mateus 25:31-33

Esse julgamento futuro é parte do que obrigou o missionário Paulo a pregar em Atos 17:
“No passado Deus não levou em conta essa ignorância, mas agora ordena que todos, em todo lugar, se arrependam. Pois estabeleceu um dia em que há de julgar o mundo com justiça, por meio do homem que designou. E deu provas disso a todos, ressuscitando-o dentre os mortos”.”
Atos 17:30,31

Onde você estará naquele dia? Só há uma maneira de ter certeza: você deve se acertar com Deus hoje.

No Natal, lembramos do bebê na manjedoura. Essa lembrança é apenas uma imagem agradável que evoca pensamentos nostálgicos e felizes para você, ou é uma imagem das incríveis notícias que foram proclamadas pelos anjos aos pastores…

“Havia pastores que estavam nos campos próximos e durante a noite tomavam conta dos seus rebanhos. E aconteceu que um anjo do Senhor apareceu-lhes e a glória do Senhor resplandeceu ao redor deles; e ficaram aterrorizados. Mas o anjo lhes disse: “Não tenham medo. Estou lhes trazendo boas novas de grande alegria, que são para todo o povo: Hoje, na cidade de Davi, lhes nasceu o Salvador que é Cristo, o Senhor. Isto lhes servirá de sinal: encontrarão o bebê envolto em panos e deitado numa manjedoura”.
De repente, uma grande multidão do exército celestial apareceu com o anjo, louvando a Deus e dizendo: “Glória a Deus nas alturas, e paz na terra aos homens aos quais ele concede o seu favor”.
Quando os anjos os deixaram e foram para o céu, os pastores disseram uns aos outros: “Vamos a Belém, e vejamos isso que aconteceu, e que o Senhor nos deu a conhecer”.”
Lucas 2:8-15

No momento, Ele lhe deu essas mesmas boas notícias. “Cristo Salvador nasceu!” Volte para ele. Nasça de novo. Ele era tanto o Salvador do mundo naquela manjedoura quanto na cruz. O propósito inteiro de Sua vinda era salvar pessoas como você dos pecados deles e do castigo desses pecados.

O que mais Jesus precisa fazer por você do que já fez? Ele forneceu o caminho para escapar da própria morte! Por que você não pede que Ele te salve?

Talvez você pense que não precisa salvar? Bem, a Bíblia diz que você precisa. Talvez você pense que sua vida não é tão ruim assim? Bem, a Bíblia diz que é! Talvez você pense que existem muitas maneiras de Deus? A Bíblia diz que há apenas um caminho para Deus. E esse caminho é uma Pessoa – Jesus Cristo.

Caro leitor, por favor, não se deixe enganar. Você precisa deste Jesus e precisa dEle agora. Volte-se para Ele e seja salvo!

Abençõe outras pessoas: