Em seu livro Cartas de Um Diabo a Seu Aprendiz (título brasileiro), escrito por CS.Lewis, o livro retrata uma conversa imaginária entre um demônio sênior e um aprendiz, eles discutem como seduzir corretamente um cristão.

Os dois demônios desejam destruir a fé do cristão em Deus. “Não erreis” diz o diabo sênior ao aprendiz, “Nossa causa não é mais tão difícil…Olha em volta, todo esse universo, todos os vestígios de Deus parecem ter desaparecido, basta lembra-los que estão abandonados e ainda o obedecem. ”

A Bíblia nos dá muitos exemplos de pessoas que agiram com fé, apesar de seus sentimentos de abandono. Abrão sentiu que a promessa de um herdeiro de Deus passou despercebido (Gn 15: 2-3).

O Salmista sentiu-se ignorado em seu problema (Salmos 10:1), os problemas de Jó eram tão grandes que ele pensava que Deus poderia até matá-lo (Jó 13:15), e Jesus da cruz gritou: “Meu Deus, meu Deus, por que me abandonaste?” (Mt 27:46), no entanto, em cada instancia Deus mostrou-se fiel (Gn 21:1-7; Salmos 10:16-18; Jó 38:1-42 e 42:17; Mateus 28:9-20),

Embora Satanás possa tentá-lo a pensar que você está desamparada, Deus está sempre perto. Ele nunca nos abandona. “Deus disse:” Nunca te deixarei; Nunca te desampararei “(Hebreus 13:5), com plena confiança digamos: “O Senhor é o meu auxílio; Eu não terei medo “(v.6)

Senhor, apesar de nuvens e escuridão, que as vezes me cobrem, eu sei que Você está perto, do meu lado. Obrigado.

Deus está sempre perto, apesar de nossos medos.

Texto extraído do Out Daily Bread, escrito por Dennis Fisher e adaptado por Kaio Henrique